terça-feira, 17 de setembro de 2013

Definir


Definir é, enfim, buscar o resultado da mais pura investigação:
aquela que que encontra, na natureza de um termo, 
aquilo que de mais essencial existe nele.
E isso nada mais poderia ser, senão sua significação,
seu motivo de existir no mundo, sua definição!

Porque a definição, antes de estar nos manuais, está em nós!

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Universo


O Universo é o infinito em expansão. Incompreensível e, portanto, admirável!
Assim, num verso só!

Cicatriz


Cicatriz é marca 
frequentemente vítima de injustiça.
Afinal, cicatriz nem sempre é ruim.

Cicatriz é sinal 
de que algo por ali passou
e deixou uma parte de infinito!
Por vezes boa,
Por vezes ruim,
mas sempre eterna!

E o que buscamos nós, 
senão uma brecha de eternidade?

Artista


O artista é o reinventor de si mesmo.
É o ser mais aparentemente mutável, 
porém mais interiormente construtivo.
É uma junção de sensibilidade extrema,
de necessidade e dependência do ar que vem da ARte!

O artista é, assim, toda a essência da humanidade!

Seguir


Seguir é rumar para o infinito, sem grandes preparativos!
É ter (in)certezas no peito e sentimentos na mente,
certa de que assim mesmo é que deve ser!

E, então, apenas continuar!
Porque paradas só valem pra apreciar a paisagem
e ter ainda mais vontade de seguir!

Desatar


Desatar é libertar. 
É proporcionar às asas que, naturalmente, existem 
nas pessoas e nos sonhos,
a condição de que precisam para realizar 
tudo o que de sublime pode ser feito:
VOAR!

Desatar é deixar ser, seja como for!